Surpreenda-se com o cenário maravilhoso ás margens do rio mais extenso da América do Norte

Os EUA são, de fato, um país conhecido pelas estradas clássicas. Entre tanta variedade, um dos seus grandes ícones é percorrer a Estrada do Grande Rio [Great River Road] e seguir o Mississippi até Nova Orleans, Louisiana.

Criada no final dos anos 1930, é um percurso de 1.200 km, da nascente, nos lagos do norte de Minnesota, rio abaixo até a foz, no golfo do México, perto de Nova Orleans, entre a planície ondulada de Iowa e os campos de algodão do Delta.

E não estará a mais de 160 km de um barco-cassino. O Mississippi define Nova Orleans não só geograficamente, mas também nos aspectos emocional, cultural e talvez até metafísico.

A cidade comanda a entrada do rio responsável por grande parte do comércio, das conquistas e explorações mais importantes do continente. Ao passar por Nova Orleans a profundidade do rio é, em média, de 60 m.

Ele percorre cerca de 3.800 km de Minnesota ao golfo do México, e sua bacia se estende das Montanhas Rochosas aos Alleghenies, cobrindo incríveis 40% da porção continental dos Estados Unidos. O volume de água supera o do Nilo; só o Amazonas e o Congo levam mais água para o mar.

O nome do rio provém da palavra misi-ziibi , “grande rio” na língua ojibwe. Essa é uma viagem com história, glamour e cores americanas. Portanto, faça como na famosa canção de 1960 “New Orleans”, que convida todos a “descerem” o Mississippi em direção a Nova Orleans: “Well, come on ev’rybody / Take a trip with me / Well, down the Mississippi / Down to New Orleans / You know that ev’ry Southern Belle / is a Mississippi Queen / Down the Mississippi / Down in New Orleans”.

Compartilhe com seus amigos

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of